Category Archive RN

Hemonorte faz campanha para incentivar doação de sangue para o carnaval

Com o tema “Hemofolia 2018, no batuque do coração faça sua doação”, o Hemocentro do RN (Hemonorte) está em  campanha de carnaval para doação de sangue, na sede do Hemocentro.

A campanha visa a aumentar o número de doações e garantir o atendimento às demandas transfusionais do período carnavalesco. De acordo com o diretor geral do Hemonorte, “nesta época de carnaval  o número de doadores tende a cair, enquanto as demandas aumentam, por isso é importante manter o estoque em dia”.

Quem for doar na quarta-feira (10) no Hemonorte será recebido em clima de carnaval, pois o evento conta com a participação do Rei Momo, Silvano Jeferson, e da Rainha do Carnaval  de Natal , Rozeane Albuquerque.

Os interessados em doar devem comparecer ao Hemonorte, de segunda-feira a sábado, das 7h às 18h, na Av. Alexandrino de Alencar,1800, Tirol (próximo ao parque das Dunas).

 

Requisitos básicos para doação:

  • Ter entre 16 e 69 anos (menores de 18 anos de idade precisam de consentimento do responsável legal);
  • ser saudável;
  • pesar acima de 50 kg;
  • ter dormido 6 horas na noite anterior;
  • evitar alimentos gordurosos antes da doação,
  • não ter ingerido bebidas alcoólicas nas 12 horas anteriores
  • apresentar um documento oficial com foto.
Imagem: Ilustrativa

Marcelo Alecrim pode disputar cargo político

O empresário Marcelo Alecrim pode disputar uma cadeira em um cargo político neste ano. O assunto veio a tona durante entrevista ao jornal Tribuna do Norte, edição deste domingo (04).

Quando questionado se “tem pretensões e/ou acataria um convite para ser candidato este ano” respondeu que “quer ajudar o RN a crescer”.

Fez o meio campo. Ou seja, não negou nem afirmou.

Pesquisador da Ufersa é um dos palestrantes do 8º Fórum Mundial da Água

O 8º Fórum Mundial da Água, que é o maior evento relacionado à água do mundo, no ano de 2018, terá como um dos palestrantes o professor e pesquisador do Centro de Ciências Agrárias da Ufersa Nildo Dias.

Nildo irá falar sobre o reuso da água no Semiárido, onde irá abordar a pesquisa “Produção Agrícola Familiar Utilizando Rejeito da Dessalinização”.

Professor Nildo Dias durante a entrega do Prêmio ANA 2017 na categoria Pesquisa e Inovação Tecnológica / Foto Cedida

Gilmar Mendes cita RN sobre o auxílio-moradia

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, citou o Rio Grande do Norte como um excesso na concessão do auxílio-moradia pago a juízes e promotores, tendo em vista que o Estado vive uma crise financeira.

Em entrevista concedida ao jornal O Estado de São Paulo deste sábado, Mendes disse que o quadro atual “compromete terrivelmente o Judiciário” e que o STF deveria ser o teto, quando, na verdade, está sendo o piso salarial.

Questionado se havia excessos na distribuição de penduricalhos (benefícios que são agregados aos vencimentos dos magistrados), o ministrou citou o caso do RN, que não paga os servidores em dia e luta para ser enquadrado no Regime de Recuperação Fiscal.

“Em Estados que estão com caos financeiro, os benefícios do Judiciário, do Ministério Público, são às vezes garantidos por medidas excepcionais. Recentemente tivemos o caso do Rio Grande do Norte, em que o ministro João Otávio de Noronha (STJ) mandou devolver um pagamento de auxílio-moradia. Um Estado que enfrentou uma greve policial por falta de pagamento. Como explicar para a população? O Supremo, que deveria ser o teto, na verdade se tornou o piso”, afirmou.

Do Portal no AR

Rio Grande do Norte não tem recomendação de vacina contra febre amarela

A população norte-rio-grandense não precisa se preocupar em se vacinar contra febre amarela. Segundo o Ministério da Saúde, o estado está fora da área de risco.

A recomendação de vacina é só para quem vai se deslocar para aquelas áreas onde há transmissão e que tem recomendação de vacina.

Para isso, deve procurar os postos de saúde com antecedência mínima de dez dias para se vacinar, munidos de comprovação de viagem (passagem aérea ou terrestre, comprovante de hospedagem ou endereço e contato de local em que irá se hospedar).

Imagem: Ilustração

Balança comercial do RN termina com saldo positivo em 2017

Balança comercial do Rio Grande do Norte termina com saldo positivo em 2017, graças principalmente a exportação de frutas frescas. De acordo com o Ministério da Indústria, do Comércio Exterior e Serviços foram exportados US$ 304,5 milhões ao longo do ano, contra importação de US$ 177 milhões, gerando saldo de US$ 127,4 milhões.
 
Seguindo a tendência dos últimos anos, o melão continua sendo o principal produto exportado pelos potiguares. Foram comercializados US$ 108 milhões da fruta, representando 35% das vendas do estado para o exterior, ao longo do ano. Mais de 163 mil toneladas do produto foram enviadas para fora do país, o que representa um crescimento de 43% em relação a 2016. A fruta saída do estado foi responsável por 66% das exportações do produto no país, seguido pelo Ceará.
 
Os principais destinos das frutas potiguares foram Holanda, Reino Unido e Espanha, Emirados Árabes, Canadá e Argentina. Outro destaque na exportação foi a melancia fresca, segundo produto mais vendido pelo estado ao mercado exterior, num total de US$ 23,11 milhões. De forma geral, o Rio Grande do Norte registrou crescimento de 6,97% nas exportações, em relação a 2016.
 
Portos maiores exportadores de frutas:
 
1° Natal/RN: US$ 232,6 mi;
 
2° Salvador/BA: 213,5 mi;
 
3° Pecém/CE: 132,8 mi.

Juíza determina cassação de prefeita de Santa Cruz e inelegibilidade do marido deputado

Giselle Priscila Cortez Guedes Draeger, juíza da 16ª Zona Eleitoral, determinou a cassação da chapa Fernanda Costa (PMDB) e Ivanildinho Ferreira (PSB), respectivamente prefeita e vice-prefeito de Santa Cruz. A magistrada determinou ainda a realização de novas eleições no município.

Marido da prefeita, o deputado estadual Tomba Farias também sofreu punição imposta pela juíza. Ele, a esposa e a secretária de Assistência Social do Município, Francisca Solange de Lima Bulhões foram condenados a ficar inelegíveis por oito anos. Todos os nomes citados são acusados de abuso de poder econômico durante as eleições de 2016, ano em que Fernanda Costa se reelegeu prefeita. As punições determinadas não possuem aplicação imediata.

Ou seja, os condenados podem recorrer da decisão e aguardar o resultado sem que sejam afastados dos cargos. O processo que resultou na condenação em primeira instância se trata de um passeio com idosos realizado em 2016, às vésperas das eleições, pela Secretaria de Assistência Social de Santa Cruz. A pasta organizou uma viagem para a praia de Pirangi, no litoral Sul potiguar. Uma casa pertencente a Tomba Farias e a esposa, Fernanda Costa, abrigou o grupo. Para a juíza, o evento teve “claro fim de promover a reeleição da prefeita”.

Justiça proíbe Governo do RN de sacar Funfir

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) conseguiu na Justiça potiguar a decisão favorável para impedir que o Instituto de Previdência do Rio Grande do Norte (Ipern) realize saques recursos do Fundo Financeiro do Estado do Rio Grande do Norte (Funfir). A juíza da 1ª vara da Fazenda Pública de Natal determinou que o presidente do Ipern seja notificado pessoalmente para eventual responsabilização por improbidade administrativa e/ou penal, no caso de descumprimento da ordem judicial.

A decisão destaca que foi dada autorização legislativa para o saque dos recursos, através da Lei Complementar Estadual nº 620/2018 e que, pela primeira vez, foram autorizados saques de recursos do Funfirn com aplicações a vencer, com a obrigação da devolução dos respectivos valores, até o ano de 2040, mediante a transferência de bens imóveis de propriedade do Estado do Rio Grande do Norte.

Em função disto, o Tribunal de Contas do Estado (TCE/RN) negou aplicação da Lei Complementar Estadual nº 620/2018 (por possíveis inconstitucionalidades) e determinou a proibição imediata de novos saques nos recursos oriundos do Funfir, até ulterior deliberação da Corte de Contas.

Para a Justiça, fica evidente que a autorização de utilização dos recursos do Funfir caracteriza empréstimo ao Estado do Rio Grande do Norte, conduta vedada por lei federal. Ao mesmo tempo, o conteúdo da Lei Complementar votada neste mês de janeiro na Assembleia Legislativa destaca flagrante ofensa ao princípio do equilíbrio financeiro e atuarial previsto na Constituição Federal.

“As constantes alterações legislativas (2014, 2016, 2017, 2018) realizadas neste Estado, não tratam com a devida importância o equilíbrio financeiro e atuarial de seu RPPS e resistem à adoção de medidas para o equacionamento do déficit existente que, segundo o secretário de Estado de Planejamento e Finanças, Gustavo Nogueira, em 29/09/2017, era da ordem de R$ 130 milhões/mês”, traz trecho da decisão.

Dessa forma, a Justiça entendeu que a autorização do saque ao Funfir, como forma de empréstimo ao Governo, resultará em desequilíbrio financeiro e atuarial. Isso significa que, além dos valores a serem sacados, ainda haverá o prejuízo do deságio acarretado pelo resgate das aplicações antes de seus respectivos vencimentos, produzindo prejuízo ao Estado, “sem que sequer seja informado o montante deste prejuízo”.

Nesse contexto, a juíza acrescenta que os elementos que constam dos autos também levam a crer por uma possível inconstitucionalidade da Lei Complementar que autorizou os saques, além da incompatibilidade com a lei federal que regulamenta os regimes próprios de previdência social dos servidores públicos e também com a Lei de Responsabilidade Fiscal.

Chefe do Ibama de Mossoró é preso pela Polícia Federal

Policiais federais prenderam nesta quinta (1º) o chefe do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) de Mossoró.

Foram cumpridos a prisão preventiva contra o acusado e, outro, de busca e apreensão, na sede daquela autarquia federal. Segundo a PF, a operação denominada ‘Corrupião’ investiga atos de corrupção.

Ainda de acordo com a PF, a investigação, que iniciou após uma denúncia, teve um aprofundamento devido a pequena amostra das extorsões que passaram a ser praticadas por aquele gestor, inclusive, contra pessoas físicas e jurídicas de outras cidades do Alto Oeste Potiguar.

PS: O nome do Chefe do Ibama não foi divulgado pela PF por isso não estar publicado aqui

Juiz nega mais um pedido de Henrique Alves

Vallisney de Oliveira, o juiz titular da 10ª Vara Federal de Brasília, negou um recurso da defesa de Henrique Eduardo Alves na reta final da ação penal da Operação Sépsis, informa a Época.

Os advogados do ex-presidente da Câmara tinham solicitado à Justiça que fossem identificados os funcionários de banco suíço responsáveis por informações que foram anexadas ao processo da Sépsis. O juiz rejeitou o pedido.

A operação investiga irregularidades na liberação de recursos administrados pela Caixa Econômica Federal.

Por O Antagonista

Ministério do Trabalho do RN teve aumento de 15,6% no número de denúncias em 2017

No ano em que foram implementadas as leis que alteraram regras para as relações de trabalho, o Ministério Público do Trabalho no Rio Grande do Norte (MPT-RN) recebeu 2688 denúncias relativas a irregularidades trabalhistas. O número representa um aumento de 15,6% em relação ao ano de 2016.

Quando um trabalhador traz uma denúncia ao MPT, esta é classificada em uma ou mais áreas temáticas. A classificação “temas gerais”, que abrange irregularidades como atrasos no pagamento, negativa de assinatura na carteira de trabalho e jornadas de trabalho irregulares fechou o ano com 1426 denúncias, o número mais alto.

Em seguida, as áreas de atuação do MPT que tiveram altos índices de denúncias no Estado foram as de Meio Ambiente do Trabalho, com 693 denúncias; Igualdade de Oportunidades e Discriminação nas Relações de Trabalho, com 253 denúncias; e Trabalho na Administração Pública, com 173 denúncias. Na tentativa de conciliar essas questões, foram firmados 308 termos de ajustamento de conduta.

Aberto processo seletivo para professores substitutos e temporários da UFRN

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) está com inscrições abertas para seu processo seletivo para contratação de professor substituto e professor temporário. São oferecidas mais de 20 vagas.

A seleção é direcionada para atuação em diversas áreas do conhecimento nos níveis Superior, Básico, Técnico e Tecnológico. O processo seletivo constará de dois tipos de avaliações: Didática e Prova de Títulos.

As inscrições são efetuadas, exclusivamente, na Secretaria da Unidade Acadêmica de Lotação correspondente.

Eis o edital

1 2 3 59